quarta-feira, 12 de junho de 2019

Quase a chegar às livrarias - 55


Disponível a 21 de Junho

Sinopse
Dois homens fogem um do outro. Qual deles é a vítima? Qual é o assassino?
Gardner’s Hill é uma pacata cidade australiana, um lugar isolado rodeado de vida selvagem e onde não acontece muita coisa.
Mas um dia tudo muda. Pela esquadra da polícia, chefiada pelo sargento Chandler Jenkins, um homem habituado a pequenos distúrbios e conflitos familiares, irrompe um forasteiro ferido e a cambalear. O desconhecido chama-se Gabriel e conta a Chandler aquilo de que se lembra. Foi drogado e levado para um barracão nas montanhas, onde foi preso com correntes de ferro. O homem que o levou chamava-se Heath e disse-lhe que ele seria o número 55. A sua 55.ª vítima. Heath é um serial killer. Gabriel fugiu e conseguiu chegar àquela pequena cidade para contar a sua história. 
Antes que Chandler tenha oportunidade de começar a investigar, o próprio Heath entra na esquadra e conta a Chandler aquilo de que se lembra.
Foi drogado e levado para um barracão nas montanhas onde foi preso com correntes de ferro. O homem que o levou chamava-se Gabriel e disse-lhe que ele seria o número 55. A sua 55.ª vítima. Gabriel é um serial killer. Dois suspeitos. Duas histórias idênticas. Qual delas é verdadeira? Conseguirá Chandler desvendar o enigma antes que o assassino ataque de novo?

terça-feira, 11 de junho de 2019

A ferver de Jennifer Blackwood - Novidade 5 Sentidos


ISBN: 978-989-745-027-3 
Ano de edição ou reimpressão: 06-2019 
Editor: 5 Sentidos 
Páginas: 256
Coleção: Brincar com o fogo

Sinopse
Erin Jenkins está de regresso a casa, 10 anos depois de ter deixado Portland. Não está a atravessar o melhor dos momentos, mas quando surge a oportunidade de acompanhar a sua velha paixão de escola a um casamento, o verão torna-se bem mais interessante. Escaldante, até…
Jake Bennett é bombeiro e pai solteiro. Sofreu no passado e, por isso, faz o que pode para proteger o coração de mais… chamuscadelas. Quando reencontra Erin, forma-se a tempestade perfeita para uma noite intensa. Ou duas. Ou cinco. 
Erin e Jake depressa descobrirão que quem brinca com fogo dificilmente lhe escapa.
Os dados estão lançados sobre dois corações incendiados num verão quente.

Jennifer Blackwood é a autora de romances eróticos contemporâneos e bestseller do USA Today. Vive no Oregon com o marido, o filho e um labrador muito malcomportado. Quando não está a correr atrás do filho, podemos encontrá-la a ver séries românticas na televisão ou, então, a escrever no seu escritório.

Compre o livro aqui.

segunda-feira, 10 de junho de 2019

[A minha Opinião] Mulherzinhas


Mulherzinhas faz parte da colecção Clássicos da Literatura Ilustrados. Foi adaptado do original de Louisa May Alcott por Giada Francia e maravilhosamente ilustrado por Francesca Rossi. 

Este livro editado pelo Círculo de Leitores é uma pequena obra de arte. Eu sou suspeita porque adoro livros bem ilustrados e escritos. Esta adaptação conjuga na perfeição o melhor desses dois mundos.

Vou-vos fazer uma confissão, não conheço a obra original escrita por Louisa May Alcott. Não é por não ter ouvido falar da autora. É mais por não ter tido a oportunidade de o ler. Depois da leitura desta adaptação ficou uma grande vontade de ler o clássico. 

Durante a leitura lembrei-me muitas vezes das irmãs da família Bennet, do romance Orgulho e Preconceito, de Jane Austen. O ambiente entre as irmãs March é muito idêntico às irmãs Bennet. Talvez por isso também tenha gostado muito da leitura.

A quem já leu o original, aconselho vivamente esta adaptação. A quem, como eu, só leu esta adaptação, aconselho a leitura do original, que espero conseguir fazê-lo em breve. 

Leitura mais que recomendada.
Boas leituras!   

🌟🌟🌟🌟

sexta-feira, 7 de junho de 2019

[A minha Opinião] 36 Perguntas que me Fizeram Gostar de Ti


36 perguntas que me fizeram gostar de ti, li em e-book. É uma das categorias do desafio de leitura do Manta de Histórias concluída com sucesso. Este jovem adulto, da Vicki Grant lê-se num sopro. Senti ainda mais essa rapidez por estar a ler em formato digital e não ter a noção das páginas lidas. 

Hildy e Paul são as duas personagens centrais desta história, com personalidades e vidas tão opostas. Ambos têm algo em comum, aceitam participar num estudo de psicologia, apesar de o aceitarem fazer por razões diferentes. Nesse estudo são lançadas 36 perguntas, às quais devem responder com sinceridade. O objectivo do estudo é comprovar se o amor poderá ser provocado entre duas pessoas que não se conhecem. A conclusão do estudo é... Nem pensar, não vos vou contar. 

Gostei da forma como a autora foi construindo a história e dando a conhecer as personagens. Gostei do facto de serem personagens com personalidades tão diferentes uma da outra, que entram em conflito. É essa diferença que cria situações tensas e hilariantes durante a narrativa. Gostei da escrita cativante da autora. Gostei dos capítulos pequenos e dos inúmeros diálogos. 

É uma leitura cativante, que aborda temas importantes e sensíveis aos jovens, com personagens empáticas e com muitas passagens propícias a arrancar sorrisos e gargalhadas. Foram sem dúvida umas belas horas de leitura. 

Até eu gostaria de responder a estas 36 perguntas. 

Recomendo a leitura. 

🌟🌟🌟

quinta-feira, 6 de junho de 2019

[A minha Opinião] As sombras da dúvida


As sombras da dúvida, um thriller que foi publicado em 2016 e só agora o resgatei da estante. Um dos principais motivos foi por ser perfeito para uma das categorias de desafio de leitura do Manta de Histórias. Estes desafios são bons para lermos os livros que estão há mais tempo parados na estante.

Posso dizer-vos que esta leitura foi um desafio. O livro até nem é muito grande. São só 279 páginas mas não me agarrou como esperava. Achei a história aborrecida, as personagens não me cativaram e só os últimos capítulos é que despertaram verdadeiramente o meu interesse. Foi o que salvou tudo o resto.

"Todas as famílias têm um segredo por desenterrar." Sem dúvida que esta família aqui retratada é uma grande incógnita. Daniel, uma das personagens centrais do livro, vê-se entre a espada e a parede. De um lado tem a sua mãe que lança suspeitas sobre o seu marido. Do outro lado o pai que afirma que a mulher não está bem. Em quem Daniel acreditará? 

A história, desde início que me pareceu muito fantasiosa e coloquei muitas vezes em questão tudo o que era narrado. Não consegui sentir empatia pelas personagens perante os acontecimentos narrados. Só nos últimos capítulos, após revelados certos factos, é que consegui perceber o porquê de certos comportamentos e compreender a personalidade de algumas personagens.  

Conhecendo o que é revelado no final da história, acho que o autor devia ter pegado na história de forma diferente. Não me cativou de todo. Ia com grandes expectativas para a leitura, que não foram superadas. 

Boas leituras!   

🌟🌟

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Diga não ao plástico de Harriet Dyer - Novidade Ideias de Ler


ISBN: 978-989-740-059-9 
Edição ou reimpressão: 06-2019
Editor: Ideias de Ler
Dimensões: 142 x 210 x 13 mm 
Encadernação: Capa mole 
Páginas: 128

Sinopse
O plástico está a causar danos irreversíveis no ambiente. Chegou o momento de passarmos à ação. 
Diga não ao plástico demonstra que reduzir o uso de plástico no dia a dia não implica uma alteração radical do nosso estilo de vida. Pequenos gestos podem fazer toda a diferença. 
Aqui vai encontrar 101 ideias simples para diminuir drasticamente o consumo de plástico: alternativas sem custos adicionais, produtos disponíveis em todas as lojas e soluções que pode criar pessoalmente em casa. 
Dê um primeiro passo, o planeta agradece.

Compre o livro aqui.

[A minha Opinião] A avó que percorreu o mundo de bicicleta


"Essa é a única forma de encontrar amor: começando por dar. As circunstâncias passadas não importam. Só temos de dar."

É uma das mensagens fortes do livro: dar amor. Este é um dos ensinamentos que a destemida avó Maru, personagem central da história, tem a dizer às muitas personagens com que se cruza, durante a narrativa. 

Nas primeiras páginas o leitor é desafiado pelo autor a responder a seguinte questão: Atrevem-se a montar nesta bicicleta? Cabe ao leitor aceitar o desafio e seguir viagem. Uma viagem que trará muitos ensinamentos, por vezes dolorosos, outros cheios de esperança. Uma coisa é certa, não somos os mesmos leitores na última página. Algo ficou connosco da leitura que fizemos. 

A avó Maru é uma força da natureza. A forma como tem coragem de partir em busca do seu neto, em cima de uma bicicleta, superando-se a cada dia e tocando os corações de quem com ela se cruza é uma inspiração. A forma certeira como nos transmite que o nosso coração sabe que caminho seguir, só temos de o ouvir. Agradecer as dádivas que temos na nossa vida e que teimamos em não ver. Esta avó é um poço de sabedoria que é preciso escutar. As mensagens que transmite são poderosas e com força para mudar o mundo, se fossem tidas em conta.

É um pequeno livro com grandes mensagens que vale a pena ser lido. 

"Tens de perceber que a única coisa que os filhos precisam é de afeto, amor, companhia, liberdade, confiança, segurança. É só disso que precisam. E nenhuma dessas coisas custa dinheiro."

Boas leituras!

🌟🌟🌟

terça-feira, 4 de junho de 2019

[A minha Opinião] A química dos nossos corações


Este livro foi publicado em Junho de 2017 e só agora o resolvi resgatar da estante. Já lhe tinha pegado inúmeras vezes para ler, mas dava prioridade a outros livros. Desta vez ganhou prioridade e entrou também no desafio de leitura do Manta de Histórias 2019.

O género jovem adulto tem conquistado cada vez mais a minha atenção. Tenho encontrado muito boas histórias, com temáticas sensíveis, personagens cativantes e boas horas de leitura. Este livro de  Krystal Sutherland não foi excepção. 

Normalmente encontro uma personagem feminina a narrar a história, neste caso é o oposto. Temos um rapaz, Henry Page, como narrador da história. O ambiente escolar é quase sempre uma constante destes livros e neste caso também está presente.  

Henry Page, personagem principal desta história, é o oposto dos rapazes e raparigas da sua idade. Não vive a pensar nos momentos que a barriga se enche de borboletas. A paixão sempre se manteve longe da sua vida, até o dia que conhece Grace Town, a nova colega de escola. Grace não é a rapariga de sonho que Henry esperava e no entanto, há algo nela que o atrai. Grace é uma rapariga estranha que guarda segredos que Henry quer desvendar.

Durante a narrativa há sempre uma aura de mistério em torno de Grace, que dá motivos mais que suficientes para agarrar o leitor. Os capítulos curtos também ajudam a que a leitura se faça de forma  rápida. Outro pormenor que me agrada é a riqueza de diálogos, que permite o avançar da história e melhor conhecimento das personagens. A escrita da autora é outro ponto forte, é organizada e directa. Além do amor, outro tema aqui falado foi tratado com muita sensibilidade. Não vos vou revelar qual, estaria a destruir-vos o prazer da leitura. 

Em suma, acho que foi uma estreia bem conseguida da autora, com uma história bem construída, personagens com os quais senti empatia e com uma lição de vida dolorosa mas necessária.

Ficarei atenta aos próximos livros da autora. Quanto ao género jovem adulto é para continuar a ler. Está muito bem e recomenda-se. 

Boas leituras!


🌟🌟🌟

segunda-feira, 3 de junho de 2019

Quase a chegar às livrarias - Raparigas como Nós


Disponível a 04 de Junho

Sinopse
Festivais de Verão, tardes na praia, experiências-limite com drogas, traições e festas misturam-se com amores improváveis e velhas amizades. Um romance intemporal nos cenários de Lisboa, Cascais e Madrid, que mostra tudo o que pode esconder-se atrás da vida aparentemente normal de uma rapariga… como tu.
«Beijamo-nos ao som daquela música que ouvia em casa sozinha deitada na minha cama. Durante o resto da vida, não importaria o que estivesse a fazer ou onde, quando ouvisse os primeiros acordes […], recordar-me-ia do olhar do Afonso fixado em mim, da sua mão no meu rosto, do meu coração a tremer e de me sentir a rapariga mais feliz do mundo. Porque Lisboa está cheia de bares a abarrotar de miúdas bonitas que, num piscar de olhos, se colocariam de gatas a ronronar nas suas pernas. Mas ele viu-me a mim.»
«Se algum dia se sentirem sozinhas, estranhas, deslocadas do mundo que vos rodeia, lembrem-se da Isabel, da Alice, da Luísa, da Marina e até da Marisa das argolas… Raparigas como nós.»

Comprar o livro aqui.

[A minha Opinião] Uma história mágica


Adorei este pequeno livro cheio de magia.

Conhecemos a pequena Lisa, que quer muito ir brincar, mas está a chover. Se tivermos muita imaginação, nem a chuva nos pára. É isso mesmo que acontece. Mesmo dentro de quatro paredes, a Lisa leva o leitor numa viagem extraordinária. 

O livro é de um colorido sem igual, dinâmico, cheio de surpresas a cada página e lugares mágicos. Uma coisa é certa, a pequenada nunca se sentirá aborrecida com esta leitura.  

O incentivo à imaginação das crianças, o apelo à brincadeira, o estímulo à curiosidade e  à aprendizagem, são bem notórios neste livro. É um livro a ter sempre por perto na hora de entreter uma criança. 

Livro mais que recomendado.

Boas leituras!

sábado, 1 de junho de 2019

Quase a chegar às livrarias - Isto é marketing


Disponível a 13 de Junho

Sinopse
Nos últimos vinte e cinco anos, Seth Godin inspirou milhões de empreendedores, líderes e fãs das mais variadas áreas. Agora, e pela primeira vez, reúne o essencial dos seus conhecimentos numa só obra.
Em Isto é marketing, Seth explica que os grandes marketers da atualidade não se limitam a criar ruído: criam um mundo melhor, resolvem problemas e ajudam as pessoas a alcançarem os seus objetivos. 
Com base em casos reais, demonstra que a generosidade, a empatia e a partilha de emoções são os alicerces do marketing verdadeiramente impactante.
Faça a diferença. O seu público vai agradecer. E o seu negócio também.

Comprar o livro aqui.

quinta-feira, 30 de maio de 2019

A medida do homem de Marco Malvaldi - Novidade Suma de Letras


A medida do homem 
De Marco Malvaldi
Suma de Letras
ISBN 978-989-665-795-6
268 páginas
PVP 17,50€
Nas livrarias a 4 de Junho

Sinopse
Um caderno secreto. Uma morte por explicar. Um génio que, depois de cinco séculos, joga com a nossa inteligência e enche-nos de admiração.
Outubro de 1493. Florença continua de luto pela morte de Lorenzo, o Magnífico. Os navios de Colombo só recentemente chegaram ao Novo Mundo. Enquanto isso, Milão experimenta um renascimento sob a liderança de Ludovico, o Mouro.
Aqueles que vagueiam pelos pátios do Castelo de Milão ou ao longo dos canais Navigli encontram, frequentemente, um estranho homem, vestido com uma longa túnica rosa. Tem uma expressão calma, como alguém que está perdido nos seus próprios pensamentos. O homem, cujo nome é LEONARDO DA VINCI, vive por cima da sua oficina, com a mãe e um rapaz travesso que adora; não come carne, escreve da direita para a esquerda e luta para que os seus empregadores lhe paguem um salário. A sua fama estende-se para além dos Alpes, até à corte francesa de Carlos VIII, cujos enviados receberam uma missão secreta que diz respeito ao próprio Leonardo. Há quem diga que o inventor italiano mantém os seus desenhos mais ousados — incluindo talvez o projeto de um cavaleiro mecânico invencível — num caderno que traz escondido sob as vestes, perto do coração.
Quando um homem é encontrado morto no pátio do castelo, o Mouro pede ajuda a Da Vinci. Embora o cadáver não mostre sinais de violência, a morte é altamente suspeita: rumores de uma praga ou explicações supersticiosas precisam ser refutados rapidamente. Leonardo não está em posição de recusar o pedido do seu mestre para investigar.

Marco Malvaldi nasceu e mora em Pisa, onde se doutorou em Química pela Universidade Normale. Os seus livros anteriores incluem a série BarLume — com Massimo the Barman e os quatro detectives idosos —, que é também uma série de televisão. Escritor reconhecido e querido, os seus romances policiais valeram-lhe o Prémio Isola d’Elba e o Prémio Castiglioncello.

Quase a chegar às livrarias - O jardim das flores de pedra


Disponível a 6 de Junho

Sinopse
Para Darl Union, a vida em Burnt Stand, na Carolina do Norte, foi sempre uma estranha mistura de riqueza, privilégio e solidão. Criada pela avó, uma mulher tão fria e dura como a pedreira de mármore que é a herança da família, o amor é-lhe estranho até ao dia em que se apaixona perdidamente por Eli Wade, o filho de um canteiro. Porém, o amor adolescente e puro cedo se vê comprometido por uma teia de mentiras e de morte: o pai de Eli é considerado o responsável pelo desaparecimento da tia-avó de Darl e, embora inocente, acaba por ser morto.
Mas agora, vinte e cinco anos depois, há segredos que podem literalmente vir à superfície – e Darl e Eli têm finalmente uma hipótese de enfrentar e resolver o passado.

Pode comprar o livro aqui.

quarta-feira, 29 de maio de 2019

Uma História Mágica, Um Livro Faz-Tudo e um Kit Primo - JB Comércio Global


Uma hora mágica é quando tens uma história e um livro faz-tudo para a brincadeira. Quando se está a ler e a colorir, o mundo é perfeito. Estes livros da Panini e o colorido da Primo, são a dupla imbatível para momentos de diversão.

Já estive a ler o livro Uma história mágica e adorei. Conhecemos a pequena Lisa, que quer muito ir brincar, mas está a chover. Se tivermos muita imaginação, nem a chuva nos pára. É isso mesmo que acontece. Mesmo dentro de quatro paredes, a Lisa leva o leitor numa viagem extraordinária. O livro é de um colorido sem igual, dinâmico, cheio de surpresas a cada página e lugares mágicos. Uma coisa é certa, a pequenada nunca se sentirá aborrecida com esta leitura.   


O livro faz-tudo é maravilhoso. Muito educativo e didáctico, proporcionará às crianças momentos de aprendizagem e de lazer. Nada é melhor que aprender brincando e este livro está cheio de actividades. Desde o desenho, à pintura, à colagem, aos jogos, tudo se aprende e um pouco de tudo se faz. Ideal para entreter as suas crianças.


Para completar o trio maravilha, recebi da JB Comércio Global este kit maravilhoso da Primo que é perfeito para quem adora trabalhos manuais, mas acima de tudo pintar. 

Mais uma vez um agradecimento à JB Comércio Global por estas maravilhas.


Campanha Wook - Só hoje 20% a 50% em livros

oportunidades 20 a 50 em livros

Promoção de 20% a 50% de desconto em livros, válida para encomendas registadas e pagas no dia 29 de maio de 2019, exceto Manuais Escolares, eBooks e livros vendidos no marketplace. 

Nos livros publicados há menos de 18 meses o desconto máximo aplicável é de 10% (imediato ou em cartão).  

Visita o site aqui.

Miga, esquece lá isso de Clara Não - Novidade Ideias de Ler


ISBN: 978-989-740-064-3 
Edição ou reimpressão: 06-2019
Editor: Ideias de Ler
Dimensões: 140 x 210 x 14 mm 
Encadernação: Capa mole 
Páginas: 128

Sinopse
Este é um livro de amor e indignação para os dias em que te sentes na m… em baixo. 
Sabes o que te digo? Miga, esquece lá isso, porque a tua vida é demasiado importante para a desperdiçares com tristezas. 
Para aquele "indivíduo de $%#*£", um recadinho: não és assim tão importante! 
Para as saudades que não passam (não do "indivíduo", claro), um sorriso. 
Para a sociedade, um manifesto a favor da igualdade. 
E para sonhares acordada (quem nunca!?), as nuvens-ovelhas de patas para o ar. 
Defende aquilo em que acreditas. Luta pelos teus sonhos. Mostra ao mundo que ninguém te vai impedir de ser feliz.

Clara Não 
É ilustradora e vive no Bonfim, no Porto. 
Nasceu no meio das freiras, na Ordem do Carmo, em 1993, na mesma cidade. Teve de nascer dois dias mais cedo, porque no dia marcado para o nascimento o coro de que a freira-parteira fazia parte tinha uma atuação, mas isso é só um pormenor. 
Licenciou-se em Design de Comunicação, pela Faculdade de Belas Artes, no Porto, enquanto ouvia Britney e Indie Rock, e fez Erasmus na Willem de Kooning Academie, em Roterdão, na Holanda. Esta experiência fez com que se direcionasse cada vez mais para a ilustração e a escrita. Em 2018, voltou à mesma instituição portuenese para se tornar mestre em Desenho e Técnicas de Impressão. 
Destaca-se pela irreverência e ironia nas ilustrações, onde reivindica a igualdade, trata tabus sociais, explora experiências pessoais e desenvolve a escrita ambidestra. 
Com humor nas palavras e ternura (ou raiva) no coração, o seu trabalho centra-se em construir ideias de forma visual através da escrita, em papel, em tecido, em vidro… ou na rua. Está representada em diversas galerias, como a Senhora Presidenta, Circus Network, Ó! Galeria, Malapata, Apaixonarte e Área 55. É mencionada de forma regular em diversas publicações, como a Vogue, Público e Jornal de Notícias. 
Trabalha também como freelancer para diversas empresas, faz fanzines e às vezes esquece-se de fazer xixi.

Pode comprar o livro aqui.

terça-feira, 28 de maio de 2019

No passado e no futuro estamos todos mortos de Miguel Esteves Cardoso - Novidade Porto Editora


ISBN: 978-972-0-03193-8
Edição ou reimpressão: 05-2019
Editor: Porto Editora
Dimensões: 152 x 235 x 20 mm 
Encadernação: Capa mole 
Páginas: 264

Sinopse
"Pensar na morte é a melhor maneira de dar valor à vida. O tempo que perdemos a fazer coisas que não são prazeres nem nos ensinam nada é um terrível desperdício. O melhor, para dar valor à vida, é fingir e imaginar que se morre todos os dias. É fácil. Estarmos cá, vivos e conscientes, é uma estranha excepção, que vai a favor de todos os que morreram e nunca mais voltaram."

Miguel Esteves Cardoso 
Em 1955 nasceu em Lisboa. Em janeiro de 1981 nascem em Manchester as duas filhas, Sara e Tristana. Em 2000 casou-se com a Maria João Lopes Pinheiro, amor da vida dele. A partir desse ano, dedica-se tanto ao casamento como ao trabalho. Desde 2009 escreve diariamente no Público e, em 2013, passa a ser autor da Porto Editora, a quem confia a obra inteira. É feliz da vida e vive com a Maria João em Colares.

Os livros do autor estão em promoção na Wook até 3 de Junho. Visite o site aqui.

Quase a chegar às livrarias - A Rapariga Sem Nome


Disponível a 21 de Junho

Sinopse
Os olhos azuis vidrados, o belo rosto, inerte, coberto de cintilantes grãos de areia. Os lábios entreabertos, como que para libertar um último suspiro. Quem é a bela rapariga encontrada ao amanhecer numa praia deserta? Qual é o seu segredo?
A agente especial Tess Winnett, do FBI, procura incessantemente respostas. A cada passo, a cada nova descoberta, desvenda factos perturbadores que conduzem à mesma conclusão: aquela não foi a única vítima. O assassino que procuram já matou antes.
Escondendo também um terrível segredo, a agente Tess Winnett enfrenta os seus receios mais profundos, numa emocionante corrida para apanhar o assassino, que se prepara para acabar com outra vida. Descobri-lo-á a tempo? Será capaz de o deter? A que preço?
AS REGRAS DO JOGO MUDARAM. 
TAL COMO A DEFINIÇÃO DE SERIAL KILLER. 
TODOS DESEJAMOS TER ALGUÉM. MAS ESTAREMOS DISPOSTOS A MORRER POR ISSO?
A agente especial Tess Winnett é apaixonada, ousada, forte e temperamental. Não hesita em arriscar a vida, numa busca incessante por toda a verdade e por um seria killer cruel que anda a tirar vidas sem piedade. Inteligente, desenvolta e teimosa, Tess levará os leitores numa memorável e aterradora investigação neste empolgante e apaixonante thriller.

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Quase a chegar às livrarias - Há Algo Estranho na Água


Disponível a 05 de Junho

Sinopse
Erin, autora de documentários televisivos, está à beira de uma reviravolta profissional. Mark é um atraente gestor de investimentos com um futuro risonho. Parecem ter tudo para serem felizes, até que Mark perde o emprego, o que ensombra a vida perfeita do casal. Mas ambos estão determinados a fazer com que as coisas resultem. Decidem partir para uma lua de mel num local paradisíaco, confiantes de que tudo se resolva - afinal, têm-se um ao outro. 
Em Bora Bora, Mark leva Erin a fazer mergulho. Mark está com ela, Erin sabe que está segura. Vai correr tudo bem. Porém, descobrem algo estranho na água... o casal decide manter a sua descoberta em segredo - se mais ninguém souber o que eles encontraram, que mal poderá haver nisso? Mas a decisão que tomam desencadeia uma devastadora sequência de acontecimentos... que vai pôr em causa tudo o que lhes é mais querido.

domingo, 26 de maio de 2019

Quase a chegar às livrarias - Está Tudo F*dido


Disponível a 31 de Maio 

Sinopse
Vivemos numa época estranha. Apesar de termos mais liberdade, saúde e riqueza do que em qualquer outra época da história, tudo à nossa volta parece terrivelmente f*dido: aquecimento global, queda de governos, economias em colapso e todos permanentemente ofendidos nas redes sociais. Temos acesso a tecnologia, a educação e a formas de comunicar que os nossos antepassados nem sequer imaginavam, mas ainda assim sentimos uma esmagadora desesperança. Afinal, o que é que se passa connosco?
Com a sua habitual mistura de erudição e humor, Mark Manson desafia-nos a olhar para o mundo com outros olhos. Com base em investigação psicológica e na sabedoria intemporal de filósofos como Platão e Nietzsche, o autor disseca a política e a religião e mostra como as duas se tornaram desconfortavelmente semelhantes. Analisa a nossa relação com o dinheiro, o entretenimento e a internet, desafiando as definições de fé, felicidade, liberdade e até da própria esperança.
Um livro de leitura obrigatória que nem todos merecemos, mas de que todos precisamos.


sábado, 25 de maio de 2019

Quase a chegar às livrarias - Diz-Me Que És Minha


Disponível a 06 de Junho

Sinopse
«Eu enterrei-te. Estivemos junto à tua lápide no cemitério. Chorámos e despedimo-nos.
Mas eu nunca deixei de te amar. Procurei-te em todas as multidões, em todos os rostos, em todos os autocarros, em todas as ruas. Ano após ano.»
Stella Widstrand é uma psicoterapeuta respeitada. Casada com um homem carinhoso, mãe de um rapaz de 13 anos, com uma casa invejável e um bom carro, parece ter tudo para ser feliz. Porém, há no seu passado um terrível acontecimento que nunca foi verdadeiramente superado.
Quando um dia Stella vê entrar no seu consultório a jovem Isabelle, suspeita que se trata na realidade de Alice, a sua filha desaparecida durante um passeio em família cerca de vinte anos antes, e que todos julgavam morta. 
Mas será realmente a filha de Stella? Estará a imaginação a pregar-lhe mais uma partida? Como poderá confirmar tal suspeita sem que a considerem louca? E se Isabelle for mesmo a sua filha, o que lhe aconteceu afinal? Como desapareceu? Para obter respostas, Stella inicia uma busca obsessiva e perigosa pela verdade, colocando em risco a vida que levou vinte anos a construir.
Elisabeth Norebäck estreia-se na escrita com um thriller psicológico inquietante que evoca o amor maternal e o maior medo que uma mãe pode sentir: o da perda de um filho. Em Diz-me Que És Minha, o leitor assiste à luta entre prudência e loucura, passado e presente, ilusão e realidade, mas sobretudo entre vida e morte.

Compre o livro aqui.

sexta-feira, 24 de maio de 2019

Campanha: A Wook dá - Oferta de Saco

Oferta de Saco - MREC

25/05/2019-26/05/2019 

OFERTA de um Saco de Pano em todas as encomendas de valor superior a 15€, exceto escolares, eBooks, livros vendidos no Marketplace e livros publicados há menos de 18 meses.
Oferta limitada ao stock existente. 

Clique na imagem ou visite o site da Wook aqui.

Quase a chegar às livrarias - A Holandesa


Disponível a 5 de Junho 

Sinopse
Amesterdão, maio de 1943. Ao mesmo tempo que as túlipas florescem, os nazis intensificam a opressão à cidade ocupada e os últimos sinais da resistência holandesa vão sendo eliminados. Marijke de Graaf e o marido são detidos e deportados separadamente para campos de concentração na Alemanha. Em Buchenwald, Marijke é confrontada com uma escolha impiedosa: sujeitar-se aos cruéis trabalhos forçados impostos aos prisioneiros ou, numa tentativa de sobrevivência, tornar-se prostituta no bordel do campo. 
Do outro lado do arame farpado, Karl Müller, oficial das SS, espera alcançar a glória militar que o seu pai acalenta. Porém, o encontro com Marijke muda radicalmente o seu destino. 
Buenos Aires, 1977. Está-se em plena Guerra Suja, num cenário de repressão implacável sobre os dissidentes do regime que vigora então na Argentina. Luciano Wagner está detido numa cela, sem esperança de algum dia escapar ao cativeiro político. 
Da Holanda à Alemanha, até à Argentina, a Holandesa é um romance soberbo que narra a história de três pessoas que partilham um segredo sombrio e que faz um relato impressionante de dois dos regimes mais violentos e repressivos da história moderna. 
Um livro que fala de amor, da ténue linha entre o bem e o mal, e da resiliência de pessoas comuns para perseverarem e fazerem o impensável em circunstâncias insólitas.

Quase a chegar às livrarias - Saberás Quem Sou


Disponível a 28 de Maio

Sinopse
É esta a pergunta que um reconhecido treinador faz a Katie e a Eric Knox após ver competir a sua filha, Devon, uma ginasta-prodígio que sonha com os Jogos Olímpicos. Para o casal não existem limites. Até que uma morte violenta e inesperada abala a pequena comunidade local de ginastas, pondo em risco todo o seu trabalho e dedicação. 
À medida que os rumores circulam entre os outros pais, Katie tenta freneticamente manter a família unida, apesar de ao mesmo tempo se sentir atraída pelo crime. O que descobre — sobre os medos da filha, o seu casamento e sobre si própria — fá-la refletir sobre se existirá algum preço que não esteja disposta a pagar para que Devon realize o seu sonho. 
Saberás Quem Sou é uma montanha-russa de emoções sobre os limites do sacrifício parental, o desejo furtivo e a força da ambição.

Poderá comprar o livro aqui.

Quase a chegar às livrarias - O Suspeito


Disponível a 04 de Junho 

Sinopse
A polícia fazia parte de um outro mundo, o que se via na televisão ou nos jornais. Não o deles.
Quando duas jovens de dezoito anos desaparecem durante as suas férias de ano sabático na Tailândia, as famílias são lançadas para a ribalta internacional: desesperadas, tomadas de angústia e presas de uma inquietação frenética. O que andavam as raparigas a fazer antes de terem desaparecido?
A jornalista Kate Waters faz sempre tudo o que pode para ser a primeira a chegar a uma história, a primeira a obter o exclusivo, a primeira a descobrir a verdade, e esta vez não constitui excepção. Contudo, não consegue deixar de pensar no seu próprio filho, que não vê há dois anos, desde que saiu de casa para viajar. Desta vez o caso é pessoal.
À medida que o caso das raparigas desaparecidas se vai desenrolando, percebe-se que, mesmo a tão grande distância, o perigo pode ocultar-se mais próximo de casa do que se poderia imaginar…

Podem comprar o livro aqui.

quarta-feira, 22 de maio de 2019

4 Autores Portugueses que irei ler em breve


Como é sabido, a 22 de Maio celebra-se o Dia do Autor Português. Este dia foi instituído em 1985, reconhecendo assim a importância do autor nas mais variadas áreas artísticas.  

Em vez de vos falar dos autores e livros já lidos por mim, trago-vos 4 livros que ainda não li e que quero ler nos próximos tempos. 

"Meridiano 28" de Joel Neto. Um autor do qual ainda não li nada mas que é muito recomendado. Espero gostar da sua escrita. "Demência" de Célia Correia Loureiro, do qual muito se tem falado nos últimos tempos. Estou muito curiosa e com grandes expectativas em relação à leitura. "A rapariga que veio do frio" de Gilberto Pinto, um policial que espero que surpreenda. É um género que precisa de mais bons escritores em Portugal. E por último mas não menos importante, "A aluna americana" de João Pedro Marques, o mais recente livro do autor que espero que me conquiste. 

Teria muitos mais para vos apresentar porque a fila de espera de leituras não pára de crescer. 

E vocês leitores, que livros de autores portugueses estão à espera de vez para serem lidos? Que autores portugueses ainda não leram e que têm curiosidade de ler? Contem-me tudo!

Boas leituras! 

P.S: Relembro-vos que podem participar do desafio Lê Português, e incentivar assim as vossas leituras de autores nacionais. Saibam mais sobre o desafio aqui.

terça-feira, 21 de maio de 2019

Um Lugar Chamado Sempre de Jorge Barroso


Data da publicação: Março 2019
Páginas: 318
ISBN: 978-989-8914-26-2

Sinopse
Numa pequena localidade situada no Val D’Orcia,Toscana, no coração da Itália, existe um palacete transformado em Casa de Turismo Rural chamada “Acquaviva”. É aqui nesta enorme e agradável propriedade a qual se divide em extensos campos de lavanda que segue ondulando até que a vista alcance, campos floridos de girassóis, extensos vinhedos e olivais centenários, que Pietro, um jovem belo e sedutor, filho único dos Del Vecchio Vesentini, cujo apelido é sinónimo das mais refinadas griffes italianas irá conhecer Elmira, a jovem e humilde rececionista incrivelmente bela, acabando por se apaixonarem perdidamente. Uma paixão proibida, mas incondicional entre dois presumíveis irmãos que desconhecem o seu passado. Entregues ao fatal destino que os une, lutam por soluções possíveis num desejo de ver cair o manto negro das trágicas passagens que assolam as suas vidas. Ali, naquele lugar mágico e colorido onde as tardes de primavera se enfeitam de paixão, os jovens enamorados mergulham nos mais profundos desejos da alma, absortos em extremo prazer.

Jorge Barroso,  nasceu num dia de Fevereiro do ano de 1965.
É natural da Freguesia de Rio de Moinhos, Concelho de Borba e entre os anos de 1984 a 1996, trabalhou em Vila Viçosa como escriturário no Grupo Marcerpor,SA. Nos anos de 1997/8 foi proprietário do Bar “Jormis Pub” em Rio de Moinhos. Cursou e trabalhou em Londres em Serviço de Home Care/Adult Social Care, nas localidades de Watford e Bushey. – Course Adult Social Care (Nestor Health Care Group.PLC)
Nos anos de 2008/2012 foi Bibliotecário Escolar no Agrupamento de Escolas EB1-2-3 de Borba, e docente do A.L.A. (Atividades de Lazer e Animação) em Rio de Moinhos, Borba e Nora. Em 2017 trabalha como Animador Socio-Cultural no Centro de Apoio a Deficientes Luis da Silva – CAO (Centro de Actividades Ocupacionais) – Hrd. Da Fuzeira – Rio de Moinhos – Borba Dedica ainda grande parte do seu tempo à escrita, continuando a fazer acções e apresentações dos seus livros em Escolas, Bibliotecas Feiras de Livros e Agrupamentos Escolares de norte a sul do país.

Saiba mais sobre o livro aqui.

Se sentes não hesites de Manuel Clemente - Novidade Alma dos Livros



Sinopse
Está na hora de admitirmos que a vida não está a resultar: acordamos a desejar que o dia passe depressa, aceitamos situações que não merecemos e vivemos uma rotina que nos deprime a cada dia.
Crescemos cercados de regras. Habituámo-nos a que fosse a sociedade a dizer-nos como comer, vestir, casar, amar e trabalhar. Em cada instante, houve sempre alguém pronto a orientar-nos com um: «Devias fazer assim…»
Se não estiverem ao serviço da felicidade, as nossas escolhas nunca vão fazer sentido.
Esta experiência no planeta Terra não tem de ser um martírio, bem pelo contrário. Quando escolhemos o que nos faz bem, a vida começa a correr de outra forma. Está nas nossas mãos o poder de mudar.
A culpa não é dos teus pais, professores, amigos, chefes, marido ou mulher. Assume a responsabilidade das tuas escolhas. Liberta-te das expectativas. Faz as pazes com o passado. Mantém-te presente e, sempre que sentires, não hesites.
Os teus sonhos estão à espera que acordes, para os realizares.

Sobre o autor 
Foi em 1989 que chorou pela primeira vez (de alegria). É natural de Lisboa e formado em Gestão e Engenharia Industrial pelo ISCTE-IUL. Fez voluntariado de longa duração em Cabo Verde e, por lá, aprendeu a pensar com o coração. Em 2016, começou a cativar os seus primeiros leitores quando deu à luz a página Semtimenos, no Instagram.
Adora brincar com as palavras para desconstruir a realidade e questionar o estabelecido. Escreve também, regularmente, crónicas de opinião para o suplemento P3 do jornal Público. Gosta de dormir para sonhar e de acordar para realizar.

Saiba mais sobre o livro aqui.

segunda-feira, 20 de maio de 2019

O macaco bêbedo foi à ópera de Afonso Cruz - Novidade Fundação Francisco Manuel dos Santos

A apresentação | debate
O que seria de nós sem a cerveja?
15.05 | 16h30 | Feira do Livro de Lisboa, Praça da Fundação
Apresentado por Francisco José Viegas (escritor)
Moderação Filipa Melo 

Sinopse
No início... houve um macaco espertalhão que desceu da árvore para comer frutos caídos no chão, mais maduros, logo, mais doces, logo, mais fermentados, isto é, com um leve cheirinho a álcool. Outros macacos se lhe seguiram e, com o aumento das calorias consumidas, foi um passo até que lhes crescesse o cérebro, a coluna se endireitasse e as mãos se libertassem. Mais um passo... e estávamos a ir à ópera.
A teoria que coloca o álcool na origem da evolução humana justifica a nossa insaciabilidade milenar. É dela que parte o escritor Afonso Cruz para este retrato inusitado da civilização acumuladora, gananciosa e um tanto louca na qual desembocámos. Do macaco original à criação da cerveja, que impulsionou a sedentarização e cativou Jesus Cristo, assistimos ao desenrolar das consequências do consumo de álcool. Da embriaguez à civilização, a nossa história nunca foi contada assim.

Afonso Cruz nasceu em 1971, na Figueira da Foz. Os seus livros estão traduzidos em vários países e receberam vários prémios, entre eles, o Prémio da União Europeia para a Literatura, o Prémio Fernando Namora, o Prémio da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil do Brasil e o Prémio Nacional de Ilustração. Além da escrita, dedica-se também à ilustração, à música e à fotografia.

89ª edição da Feira do Livro de Lisboa - Editorial Presença


A poucos dias da abertura da 89ª edição da Feira do Livro de Lisboa, a Editorial Presença encontra-se em contagem decrescente para as celebrações do 20º aniversário da publicação da edição portuguesa de Harry Potter e a Pedra Filosofal, no Parque Eduardo VII.

A publicação, no início do ano, das quatro edições especiais de Harry Potter e a Pedra Filosofal, com quatro sobrecapas de cores diferentes, alusivas a cada uma das quatro equipas da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts, serão refletidas na imagem geral do espaço Presença.

Quer sejam Gryffindor, Hufflepuff, Ravenclaw ou Slytherin, os leitores são convidados a partilhar a magia especial das histórias escritas por J.K. Rowling. Os jovens feiticeiros, bem como os Muggles, terão a oportunidade de recriar em conjunto o universo fantástico de Harry Potter.

No dia 1 de junho, entre as 17h00 e as 20h00, e no dia 9 de junho, entre as 15h30 e as 19h30, serão realizados dois eventos organizados pelo Instituto de Magia Português (IMP), o maior clube de fãs em Portugal, composto por jovens e adultos aficionados pela saga potteriana.

Os visitantes da Feira do Livro de Lisboa estão todos convidados a participar nos eventos, sem limite de idade, e a vestir a cor da equipa com a qual mais se identificam. A quem participar nestas atividades ser-lhe-á atribuído um certificado do feiticeiro, com a indicação das aulas frequentadas.

As surpresas reservadas para os 20 anos em português de Harry Potter e a Pedra Filosofal irão estender-se ao longo de todo o ano.

O grande livro das aves de Yuval Zommer - Novidade Bizâncio


Código de Barras: 9789725306222
Nº de páginas: 64
PVP: 16,00 Euros (com IVA)
Encadernação: Capa dura

Sinopse
Porque é que os flamingos são cor-de-rosa?
Os papagaios sabem falar?
As águias-carecas são mesmo carecas?
Na mesma linha editorial do O Grande Livro dos Insetos, O Grande Livro dos Animais e O Grande Livro dos Oceanos, este álbum, a cores e de grande formato, irá fazer as delícias dos mais novos levando-os a descobrir o maravilhoso mundo das aves.
Aqui irão encontrar criaturas cobertas de penas, que vivem espalhadas pelo mundo e descobrir factos sobre a maneira como diferentes tipos de aves caçam, sobrevivem e se exibem.

[A minha Opinião] Um elevador chamado desejo


O que me atraiu a este livro foi a sua capa chamativa. O título também desperta curiosidade. A sinopse veio de encontro aos primeiros pensamentos sobre o livro, que acreditei ser bem descontraído.

Pela pesquisa que fiz no goodreads, este livro, Um elevador chamado desejo, faz parte de uma série "The Wedding Date Series", composta por três livros. Espero que a Gradiva publique os restantes dois livros. 

Quanto ao livro, Alexa Monroe e Drew Nichols são as personagens principais. Conhecem-se numa situação um pouco peculiar e são forçados a passar algum tempo juntos. O que não sabem é que essa circunstância irá ditar futuros acontecimentos, que mudarão a vida de ambos. 

A leitura do livro fez-se de forma agradável. A escrita da autora é simples e cativante. Os capítulos são pequenos e beneficiam o avançar da história. As personagens são tão diferentes uma da outra que se complementam muito bem. A história é bem construída, pontuada por momentos de bom humor e também por alguns momentos mais emocionais.

Uma coisa é certa, quando agarrei no livro não dei pelas horas a passar e a leitura fluiu muito bem. É um livro que recomendo a quem gosta de um romance descontraído, sem dramas e divertido. 

Boas leituras!  

🌟🌟🌟

domingo, 19 de maio de 2019

Campanha Wook - Oferta de um livro

Oferta de Livro - MREC

OFERTA do livro "Noites de Sexta-feira", de Joanna Trollope em todas as encomendas de valor superior a 10€, exceto escolares, eBooks e livros vendidos no Marketplace e limitada ao stock existente.

Campanha válida para encomendas registadas e pagas nos dias 18 e 19 de maio de 2019 e não acumulável com outras promoções em vigor.

Visite site aqui.

quinta-feira, 16 de maio de 2019

Regresso ao Futuro de Robert Zemeckis e Bob Gale - Novidade Porto Editora



ISBN: 978-972-0-71986-7
Edição ou reimpressão: 05-2019
Editor: Porto Editora
Dimensões: 220 x 292 x 9 mm 
Encadernação: Capa dura 
Páginas: 48
Coleção: Filmes de todos os tempos

Sinopse
Marty McFly viajou no tempo até 1955. Conseguirá ele encontrar o caminho... de Regresso ao Futuro? 
O filme que todos conhecem é agora um livro ilustrado para toda a família! Depois de, acidentalmente, ter viajado no tempo até 1955, Marty McFly vê-se preso no passado. A máquina do tempo que usou não funciona, e ele precisa de ajudar os seus pais a apaixonarem-se, caso contrário... Marty nunca nascerá! Conseguirá ele resolver a situação antes que seja tarde de mais?

terça-feira, 14 de maio de 2019

Dupla mais que perfeita de Louise Pentland - Novidade Porto Editora



ISBN: 978-972-0-03187-7
Edição ou reimpressão: 05-2019
Editor: Porto Editora
Dimensões: 152 x 235 x 22 mm 
Páginas: 328
Disponível a 16 de Maio

Sinopse
Haverá por aí alguém que se sinta como eu? 
Robin Wilde é uma mãe atenciosa, sempre empenhada em fazer com que Lyla não se sinta afetada pelo facto de serem «só as duas». É também muito competente na sua glamorosa profissão de maquilhadora. A sua melhor amiga Lacey e a louca tia Kath adoram-na da Terra até à Lua. Tudo parece correr maravilhosamente. 
Mas, por trás da máscara que Robin usa todos os dias, por vezes, as coisas ficam muito cinzentas. E muito solitárias. 
Encaixar no grupo de mães da escola de Lyla não é tarefa fácil. Os encontros online são absolutamente desesperantes. E como pode ela ser a melhor mãe do mundo se há dias em que nem sequer consegue encontrar um par de meias lavadas? 
Robin sente que é tempo de dar uma reviravolta na sua vida e de fazer com que novas coisas aconteçam. E nesta aventura vai aprender que um pouco de coragem e alguma criatividade podem fazer milagres.

Sobre a autora 
Vlogger de lifestyle e beleza já galardoada e um dos rostos escolhidos para a campanha do YouTube #MadeForYou. É embaixadora do United Nations Global para a Igualdade de Género. Em 2016, foi nomeada para Glamour Woman of the Year e, recentemente, venceu os prémios InStyle para Best High-Street Fashion YouTuber e Shorty Award para Best YouTube Guru. Em 2016, lançou a sua segunda coleção de roupa SIMPLY BE. O livro de não-ficção de Louise Pentland (Life with a Sprinkle of Glitter) foi um enorme sucesso de vendas. Wilde like me ( Dupla mais que perfeita na edição portuguesa) é o seu primeiro romance.

domingo, 12 de maio de 2019

Pequenos Livros sobre Grandes Pessoas - Novidade Fábula


Pequenos Livros sobre Grandes Pessoas 5: Frida Kahlo 
Pequenos Livros sobre Grandes Pessoas 6: Nelson Mandela 
Ed. Fábula 
64 pp. 
11,59€

Saiba mais sobre os livros aqui e aqui.

sábado, 11 de maio de 2019

Linhagem de ouro de Natasha Solomons - Novidade Bertrand Editora



Género: Literatura / Romance
Tradução: Joana Neves
Formato: 15 x 23,5 cm
N.o de páginas: 432
PVP: € 19,90
ISBN: 9789722537179

Sinopse
A influência dos Goldbaum fez-se sentir por toda a Europa. São banqueiros e pessoas de confiança de governos e imperadores. Pouco acontece sem o seu aval e menos ainda sem o seu conhecimento. O poder reside na riqueza, a força está na família. A união de Greta com o primo Albert vai fortalecer os lados austríaco e britânico da dinastia, embora Greta Goldbaum não tenha uma palavra a dizer em relação a quem será o seu marido. É uma união sensata e estratégica.
Porém, Greta não é nenhuma dessas coisas. Infeliz e provocadora, está desesperada por encontrar o seu lugar no mundo, sem deveres e responsabilidades. Mas justamente quando começa a sentir uma inesperada felicidade, a Grande Guerra agiganta-se no horizonte e nem os Goldbaum conseguem alterar o seu curso. Pela primeira vez em duzentos anos, a família encontra-se em lados opostos.
A Casa dos Goldbaum, tal como a própria Europa, está à beira da ruína.

Natasha Solomons é guionista e romancista. Vive em Dorset, na Inglaterra, com o marido, um autor de livros infantis premiado, e os seus dois filhos. É autora de quatro romances, todos bestsellers do New York Times, e o seu trabalho já foi traduzido para dezassete idiomas.
Quando não está a escrever no escritório, é facilmente encontrada no jardim, normalmente a brincar às escondidas.

sexta-feira, 10 de maio de 2019

Quase a chegar às livrarias - Aqui Agora Sempre


Disponível a 24 de Maio

Sinopse
Jess e William, o seu filho de dez anos, vão passar o verão no Château de Roussignol, nas férteis colinas soalheiras da Dordonha. Aí, Adam, o ex-namorado de Jess e pai de William gere um hotel de charme situado num castelo recuperado. 
Os exuberantes jardins com piscina, a requintada cozinha francesa e uma lista de vinhos aparentemente interminável impressionam Jess, mas ela foi a França sobretudo com o intuito de aproximar Adam do seu próprio filho.
Adam tem outras ideias e outra namorada - e não parece nada disposto a mudar de vida só porque Jess e William entraram em cena. Jess não se surpreende, mas William, que rapidamente se vai aproximando do pai, não quer outra coisa que não seja estar com ele. 
Jess, atormentada por um segredo que não pode partilhar, sobretudo com William, fará tudo para que Adam não desiluda o filho.