segunda-feira, 26 de junho de 2017

Se Conhecessem a Minha Irmã de Michelle Adams - Novidade Planeta


312 páginas / PVP: 17,99 €

Sinopse
Irini é médica e vive com o namorado, Antonio com quem mantém uma relação pouco feliz, e não tem laços com família. 
Tem uma irmã, Elle, mas nunca se vêem. Quando Irini tinha três anos, os pais entregaram-na à tia para criar. Irini nunca soube por que não era desejada nem porque a desprezaram.
Após anos sem contacto, Elle começa a telefonar-lhe de madrugada. A mãe morreu e Elle insiste que Irini vá ao funeral.
Achando que pode ser uma oportunidade para saber a verdade, parte para a Escócia, onde a irmã a espera no aeroporto. A visita corre muito mal, pois o pai não a quer ver e diz-lhe que tomou a opção certa quando persuadiu a mulher em dar a filha.
Por outro lado o comportamento de Elle é errático. Na manhã seguinte, Irini descobre que o pai sofreu uma overdose de Valium que ela tinha na bagarem. Parte de imediato e quando chega a casa descobre na bagagem o testamento do pai, onde lhe deixa tudo.
Quando ainda está a processar tudo o que aconteceu a polícia quer falar com ela, pois Elle desapareceu e tudo parece indicar que Irini montou um esquema para ficar com a herança.
Recusando-se a ser usada mais uma vez pela família, Irini faz uma investigação paralela à da polícia e descobre segredos perturbadores e percebe que Antonio a traiu com a última pessoa que esperava, que a irmã esteve internada num hospital para doentes e que teve outra irmã que morreu em circunstâncias suspeitas.

Michelle Adams cresceu em Inglaterra e agora vive no Chipre, onde trabalha em part-time como cientista. Leu um dos romances de Stephen King quando era muito nova e ficou viciada em suspense desde então.

Crítica Internacional 

«O romance de estreia de Michelle Adams, Se Conhecessem a Minha Irmã, é provavelmente o livro mais assustador, inquietante e deliciosamente sinistro livro do ano. Este livro entranhou-se-me desde a primeira página e manteve-me viciado até ao fim.» Cosy Books

«Um livro altamente viciante e imprevisível de leitura obrigatória para 2017.» Whispering Stories

«Se Conhecessem a Minha Irmã é um livro com uma leitura emocionante leitura rápida e altamente viciante. A escrita convincente cria uma tensão e apreensão fabulosas. Uma estreia fantástica de Michelle Adams.» The Bookmagnet

O Olhar da Mente de Håkan Nesser - Novidade Topseller


Ed. Topseller | ​17,69€ | 272 pp.

Sinopse
Por vezes, a verdade está mesmo à nossa frente. Só a justiça é cega.
Uma manhã, o conceituado professor Janek Mitter acorda completamente desorientado no seu apartamento. Com a cabeça a latejar, sem se lembrar de nada da noite anterior, vagueia pela casa até encontrar a mulher, Eva Ringmar, morta na banheira. Apesar de Mitter ter chamado logo a polícia, é considerado o principal suspeito do crime.
Quando o experiente inspetor Van Veeteren é chamado para investigar o caso, duvida imediatamente da simplicidade do mesmo, mas Mitter acaba por ser julgado pelo homicídio da sua companheira e é condenado a cumprir pena num hospital psiquiátrico.
Quando, pouco tempo depois, o professor aparece assassinado no hospício, Van Veeteren reabre o caso e avança com uma investigação às duas mortes. Partindo de uma carta enviada por Mitter pouco tempo antes da sua morte, o inspetor entra numa aterradora viagem a um passado terrivelmente sombrio.

Håkan Nesser é um escritor sueco, autor de mais de 20 livros, sobretudo policiais, já traduzidos para 20 línguas.
A sua obra tem sido galardoada com vários prémios, entre os quais o Ripper (Melhor Ficção Policial Europeia), o Prémio da Academia Sueca de Literatura Policial e ainda o prémio Glass Key (Melhor Romance Policial da Escandinávia).​


«O Olhar da Mente é um thriller psicológico sem igual. Este romance empolgante, de um dos principais autores suecos de policiais, podia ser o guião de um filme de Alfred Hitchcock.» —The Sunday Times

«Irónico, insensível, mordaz e até ligeiramente psicótico, Van Veeteren é o herói mais atraente e detestável desde o Dr. House.» — Oprah Magazine

Armin van Buuren feat. Josh Cumbee - Sunny Days


Para iniciar bem a semana, deixo uma música com boas energias. Boa semana leitores!

sábado, 24 de junho de 2017

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Quase a chegar às livrarias - Editorial Presença / Marcador


Ao Fechar a Porta - Quem não conhece um casal como Jack e Grace? Ele é atraente e rico. Ela é encantadora e elegante. Ele é um hábil advogado que nunca perdeu um caso. Ela orienta de forma esmerada a casa onde vivem, e é muito dedicada à irmã com deficiência. Jack e Grace têm tudo para serem um casal feliz. Por mais que alguém resista, é impossível não se sentir atraído por eles. a paz e o conforto que a sua casa proporciona e os jantares requintados que oferecem encantam os amigos. Mas não é fácil estabelecer uma relação próxima com Grace... Ela e Jack são inseparáveis.
Para uns, o amor entre eles é verdadeiro. Outros estranham Grace. Por que razão não atende o telefone e não sai à rua sozinha? Como pode ser tão magra, sendo tão talentosa na cozinha? Por que motivo as janelas dos quartos têm grades? Será aquele um casamento perfeito, ou tudo não passará de uma perfeita mentira?

O Vale dos Cinco Leões - Jane entra num perigoso triângulo amoroso, de que fazem parte dois espiões rivais, Ellis e Jean-Pierre. 
Amor, ódio e traição envolvem cada um deles em conspirações terroristas desde Paris até ao Afeganistão, para onde Jane e Jean-Pierre, que, entretanto, se tornam marido e mulher, vão atuar como médicos junto dos rebeldes que lutam contra os invasores soviéticos. 
Jane acaba por se ver vítima de extrema violência e tenta desesperadamente escapar da linha de fogo. A ajuda chega por fim, vinda de quem menos se esperava... 
Um thriller romântico, com suspense e ação permanentes, escrito por um dos grandes mestres da ficção contemporânea.

A Revolta de Atlas - Habitado por heróis e vilões maiores do que a vida, e carregado de questões sobre o bem e o mal, este livro é a obra-prima de Ayn Rand: uma revolução filosófica contada em formato de thriller de ação. Quem é John Galt? Quando ele diz que irá parar o motor do mundo, significa que é um destruidor ou um libertador? Por que não combate os seus inimigos em vez daqueles que mais precisam de si? e porque é a sua maior batalha contra a mulher que ama?
O leitor saberá todas as respostas quando descobrir os intrigantes eventos que causam a desordem nas vidas das mulheres e homens inesquecíveis deste livro. Irá saber porque um magnífico génio se transforma num playboy inútil, porque um grande industrial trabalha a favor do seu próprio colapso, porque um compositor abandona a carreira justamente na noite do seu grande triunfo, porque uma mulher bonita que faz uma viagem de comboio transcontinental se apaixona pelo homem que jurara matar.
A Revolta de Atlas é um clássico moderno e o trabalho mais extensivo da autora sobre o Objetivismo - a sua filosofia inovadora e revolucionária -, que oferece ao leitor o espetáculo da grandeza humana, aqui representada com toda a poesia e o poder de uma das maiores artistas do século XX.

O Mito e a Realidade da Polícia Secreta de Hitler de Frank McDonough - Novidade Vogais


Vogais | 360 pp | 19,99€

Sinopse
A Gestapo tornou-se uma lenda. Descrita popularmente como uma espécie de Big Brother todo-poderoso do estado policial totalitário nazi, tinha como objetivo declarado a perseguição dos «inimigos do povo». Mas, de todas as histórias que se construíram à volta deste tão importante braço das SS, quais serão verdade?

Baseando-se numa investigação detalhada de documentos até hoje não publicados, Gestapo: O Mito e a Realidade da Polícia Secreta de Hitler (Vogais l 360 pp | 19,99€) debruça-se sobre as histórias fascinantes, vívidas e frequentemente perturbadoras de todos aqueles que na Alemanha se opuseram ao regime de Hitler. Conta também as narrativas dos seus vizinhos, amigos e familiares, que tantas vezes se viram apanhados na teia da Gestapo, como informadores ou mesmo trabalhando diretamente com a agência.

Ao questionar a versão oficial, expondo as limitações de pessoal que a Gestapo tinha, e que tornavam impossível vigiar a totalidade da população, ficamos finalmente a conhecer os métodos e as técnicas que a polícia política do regime usava de facto na sua insidiosa missão.

É ao investigar em grande pormenor casos da Gestapo que este livro oferece uma entrada original e provocante para a vida quotidiana na Alemanha nazi, e pinta um retrato gráfico de várias vítimas do terror nazi. - Frank McDonough

Primeiras páginas do livros disponíveis para leitura aqui.

Frank McDonough é professor de História Internacional na Universidade John Moores em Liverpool, cidade onde nasceu. Estudou História na Universidade de Oxford e obteve o seu doutoramento na Universidade de Lancaster.
 É autor de vários livros sobre o Terceiro Reich, nos quais se incluem Hitler and the Rise of the Nazi Party (2012), The Holocaust (2008) ou Hitler and Nazi Germany (1999), assim como uma variedade de outros títulos sobre História e Política. É, ainda, presença frequente na rádio e televisão, em programas onde se discute o Terceiro Reich. Já colaborou com instituições como a National Geographic, o Discovery Channel, a BBC, o Channel 5 ou a Russia Today. Também já foi consultor da BBC no âmbito de programas dedicados à História.

Elogios

Uma visão lúcida e clara da mistura irracional de loucura com método, de dever com maldade, que a Gestapo praticava.»  - The Telegraph

«O Professor Frank McDonough descobriu muita informação inovadora, que recolheu neste estudo lúcido e autorizado.» - The Times

«Um trabalho verdadeiramente esclarecedor sobre os métodos, motivações e histórias das pessoas que tentaram policiar o pensamento dos habitantes do Terceiro Reich.» - Independent


O objetivo central deste livro é explorar o impacto da Gestapo nos cidadãos alemães que viviam sob o regime de Hitler. Começa com uma explicação detalhada do modo como a Gestapo nasceu. Observa, em seguida, os antecedentes e métodos dos agentes da Gestapo, fornecendo alguma informação nova bastante surpreendente. Investiga depois as principais vítimas do terror nazi, com especial destaque para os dissidentes religiosos, os comunistas, os «marginais sociais» e os judeus. É nestes capítulos que as trágicas provações humanas das vítimas assumem o protagonismo. Sublinha-se de igual forma a extensão da ajuda fornecida à Gestapo pelo público, pela Polícia Criminal (Kripo), e pelas agências de assistência social. Segue-se um pormenorizado capítulo de conclusão que explica o destino dos agentes da Gestapo nos julgamentos do pós-guerra. No geral, este livro fornece uma contribuição muito importante para a compreensão do terror na sociedade nazi. -
​​Frank McDonough

terça-feira, 20 de junho de 2017

Passatempo Exclusivo Facebook


Passatempo em vigor até 28 de Junho.
Boa sorte!
Participe aqui.

Quase a chegar às livrarias - A mulher do camarote 10


Disponível a 05 de Julho

Sinopse
Tudo começa com um convite inesperado para uma viagem de sonho. Lo Blacklock, jornalista, recebe um convite irrecusável: acompanhar a primeira viagem do cruzeiro de luxo Aurora Borealis. O serviço é exclusivo e a bordo estão vários empresários e pessoas influentes da sociedade. No entanto, a viagem ganha outros contornos para jornalista. Certa noite, testemunha aquilo que acredita ser um crime no camarote ao lado do seu.
 Desesperada, denuncia o ocorrido aos responsável pela embarcação. Ninguém acredita na sua versão pois todos os passageiros continuam no navio. Blacklock decide investigar o crime por conta própria. Colocando a carreira e a própria vida em risco, ela não vai descansar enquanto não encontrar resposta para o mistério do camarote 10.
 “Não aconteceu nada. Estamos todos seguros. Para de procurar.”

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Estou a ver-te de Clare Mackintosh - Novidade Marcador


Mistério – Policial – FICÇÃO
PÚBLICO – Público em geral
No DE PÁGINAS - 352pp.
FORMATO – 15,5*23,5cm
PREÇO (c/IVA) – 17,50€
ISBN – 978-989-754-315-9
DATA DE LANÇAMENTO – 21-06-2017

Sinopse
Todas as manhãs, Zoe Walker faz o mesmo caminho para a estação de metro, espera no mesmo lugar da plataforma e escolhe o seu assento preferido na carruagem, sem nunca suspeitar que alguém a observa. Durante uma dessas viagens, certo fim de tarde, enquanto lê o jornal local, Zoe vê a sua cara num dos anúncios: uma foto de má qualidade, um número de telefone e a morada de um website: FindTheOne.com (Encontra-a.com)
Nos dias seguintes, as fotografias de outras mulheres começam a aparecer no mesmo anúncio, e Zoe percebe que foram vítimas de crimes extremamente violentos, incluindo homicídio.
Com a ajuda de uma polícia determinada, Zoe procura saber o que está por trás daquele anúncio perverso, uma descoberta que vai transformar a sua paranóia em pânico total. Alguém anda a seguir todos os seus passos. E Zoe tem a certeza de que alguém próximo de si a escolheu como próximo alvo.
Um thriller obscuro, claustrofóbico e repleto de volte-faces.

Clare Mackintosh Passou doze anos ao serviço da polícia, alguns deles no Departamento de Investigação Criminal do Reino Unido. Deixou a polícia em 2011 para trabalhar como jornalista e consultora de comunicação.
É fundadora do Festival Literário de Chipping Norton. Agora, escreve a tempo inteiro e vive em Gales, com o marido e três filhos.
O seu romance de estreia, Deixei-te Ir, tornou-se um bestseller do Sunday Times e do The New York Times, e está publicado em 30 países.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

This life is what you make it

“This life is what you make it. No matter what, you're going to mess up sometimes, it's a universal truth. But the good part is you get to decide how you're going to mess it up. Girls will be your friends - they'll act like it anyway. But just remember, some come, some go. The ones that stay with you through everything - they're your true best friends. Don't let go of them. Also remember, sisters make the best friends in the world. As for lovers, well, they'll come and go too. And baby, I hate to say it, most of them - actually pretty much all of them are going to break your heart, but you can't give up because if you give up, you'll never find your soulmate. You'll never find that half who makes you whole and that goes for everything. Just because you fail once, doesn't mean you're gonna fail at everything. Keep trying, hold on, and always, always, always believe in yourself, because if you don't, then who will, sweetie? So keep your head high, keep your chin up, and most importantly, keep smiling, because life's a beautiful thing and there's so much to smile about.” 
― Marilyn Monroe

Quase a chegar às livrarias - A amiga


Disponível a 6 de Julho  


Quando o marido é promovido, Cece Solarin muda-se para Brighton com os três filhos, animada com a possibilidade de um recomeço. No entanto, o ambiente do bairro que a acolhe parece-lhe ansioso e os vizinhos sobressaltados.
Cece descobre que, três semanas antes, Yvonne, uma das mães mais populares da zona, foi deixada às portas da morte, no pátio da escola dos filhos – a mesma onde se vê obrigada a inscrever os seus.
No primeiro dia de aulas, Cece conhece três mães muito diferentes que parecem querer ajudá-la neste novo começo. Mas Maxie, Anaya e Hazel são também amigas de Yvonne, e a polícia desconfia que uma delas poderá estar envolvida no crime.
Preocupada com a segurança dos filhos, Cece está decidida a descobrir a verdade…

Sigala, Ella Eyre - Came Here For Love



Boa energia é sempre bem vinda. Deixem-se contagiar por este "Came Here For Love". Bom feriado leitores!

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Aquisições - Editora Objectiva


Uma novidade que não é aconselhável a pessoas sensíveis e altamente recomendado a quem gosta de humor negro. Psicopaita de Luís Coelho já está nas livrarias desde 7 de junho. Obrigada à Editora Objectiva por mimo surpresa. 

Mais sobre o livro:
Este é um relato cru e honesto sobre como é ser-se pai de duas crianças. 
Sem figuras de estilo para dourar a pílula, sem maquilhagem para esconder as imperfeições e sem papas na língua. 
Há crianças que nasceram para dar cabo da vida como a conhecemos. 
O bebé Judas, o bebé Hitler e os meus dois filhos. 
O primeiro veio ao mundo para destruir o messias. 
O segundo para destruir a humanidade. 
Os meus filhos vieram para destruir a minha paciência e os seios da minha mulher. 

Ele vem aí... tão louco e lindo de morrer!


ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
Lewis Carroll
Adaptação de Elizabete Agostinho
14x20,5
152 páginas
13,90 €
Nas livrarias a 21 de Junho
Guerra e Paz Editores

Sugestões de Verão Bertrand


13 Minutos, Sarah Pinborough – Um thriller emocionante e singular, de uma vivacidade e suspense notáveis, 13 Minutos cativou os produtores da Netflix e prepara-se para chegar ao pequeno ecrã muito em breve. Até lá, os leitores podem descobrir a história de Natasha, de 16 anos, que esteve morta durante 13 minutos. Salva de um lago gelado por um professor de música, regressa a casa sem conseguir lembrar-se do que aconteceu. Intercalando diversos registos, os fios da intriga vão-se entrelaçando com mestria numa intriga onde o desenlace é tudo menos óbvio. Uma leitura de verão indispensável e viciante.


Até ao Fim dos Tempos, Danielle Steel –A rainha do romance, Danielle Steel , dispensa apresentações. Neste novo livro, estamos perante duas histórias de amor que desafiam as barreiras do tempo e do espaço. Bill Sweet sempre se sentiu ligado a Deus e a fortuna da família nunca lhe trouxe felicidade. Só quando encontra Jenny, e com ela reconstrói a sua vida numa zona rural como sacerdote, sente ter encontrado o seu destino. Numa outra cidade, mais de três décadas depois, nasce outra história de amor – entre uma mulher amish e o editor nova-iorquino que se apaixona pelo livro que ela escreveu secretamente. Entre dois registos temporais, os anos 70 e o presente, Danielle Steel constrói uma teia de emoções que leva o leitor entre tempos, pondo em causa barreiras temporais e perguntando se um amor, quando verdadeiro, pode de facto tornar-se... eterno..


Ela e Ele, Marc Levy – o autor francês mais lido em todo o mundo, regressa com um romance que lembra o melhor de Marc Levy. Um enredo original, divertido, natural e inesperado. Mia e Paul encontraram-se através de um site de encontros. Não se tornaram amantes, mas amigos... e gostavam de continuar assim! Tudo nas suas vidas é incompatível e, no entanto, parece que a vida insiste em juntá-los. Os protagonistas de E Se Fosse Verdade regressam neste livro que nos leva pelos caminhos de uma história de amor tão imprevisível quanto irresistível.



O Fugitivo, John Grisham – John Grisham é já um nome familiar para os amantes dos policiais e do thriller. Agora, Grisham escreve, para o público mais jovem, sobre Theodore Boone, um adolescente com um forte sentido de justiça e a vontade de fazer o que está certo, apesar das complexidades criadas pelos adultos. Neste novo livro da série, Theo julgou que o perigo já tinha passado, mas está prestes a ter de enfrentar um velho adversário: Pete Duffy, acusado de homicídio e agora em fuga. Numa visita de estudo a Washington, DC, Theo vê uma cara conhecida no metro e tem de pensar rápido. Mas, agora que o assassino viu o seu rosto, corre mais perigo do que nunca...


Um Pequeno Favor, Darcey Bell – Um dos títulos mais disputados na Feira do Livro de Londres do ano passado, Um Pequeno Favor chega agora às livrarias, pela mão da Bertrand. Tudo começa com um pequeno favor entre mães. A sofisticada Emily pede à melhor amiga, viúva, que trabalha a partir de casa, no seu blog, que lhe apanhe o filho na escola e Stephanie nem hesita. Mas Emily não volta a dar notícias, desaparecendo por completo. Stephanie sabe que aconteceu algo de terrível e, alarmada, recorre aos leitores do seu blog para pedir ajuda. Contacta também o marido de Stephanie, o belo Sean, para lhe dar apoio emocional. Afinal, é o mínimo que pode fazer. Os dois acabam por receber notícias terríveis mas serão verdadeiras? Um Pequeno Favor é um thriller psicológico arrepiante, intenso, cheio de segredos e mentiras onde nada é tão simples como parece, nem sequer um pequeno favor.

A Verdade Escondida do Verão Passado de Sue Wallman - Novidade Topseller


A Verdade Escondida do Verão Passado | 272 pp. | 15,98€

Sinopse
Uma perda dolorosa, um pesado sentimento de culpa, uma mentira sombria…
Um ano depois, a verdade vem ao de cima.
No verão passado, Skye perdeu a irmã num trágico acidente, e não consegue deixar de se sentir culpada pelo que aconteceu. Para ajudá-la a seguir em frente, os pais decidem que ela deve passar uns dias num campo de férias, juntamente com outros jovens.
Tudo parece correr bem; Skye faz novas amizades e participa em diferentes atividades radicais. Até ao dia em que começa a receber mensagens arrepiantes no telemóvel: alguém está a fazer--se passar pela sua falecida irmã. Assustada, Skye sente que não pode confiar em ninguém e, no campo de férias, todos são agora suspeitos.
Conseguirá Skye recuar ao passado e enfrentar os seus medos mais profundos, de forma a descobrir a verdade? Estará ela preparada para mergulhar no desconhecido?


Sue Wallman é licenciada em Edição pela Universidade de Oxford Brooks, tendo posteriormente trabalhado como jornalista e como assistente editorial.
Adora palavras e, sempre que pode, aproveita os tempos livres para escrever diferentes tipos de romances. Em 2013, recebeu o Baileys Women’s Prize for Fiction First Chapter e, em 2016, viu publicado o seu primeiro livro para jovens adultos: A Verdade Escondida do Verão Passado.
Atualmente, vive em Surrey, na Inglaterra.
Mais sobre a autora em: www.suewallman.co.uk.

terça-feira, 13 de junho de 2017

O Porto das Almas de Lars Kepler - Novidade Porto Editora



Título: O Porto das Almas
Autor: Lars Kepler
Tradutor: Regina Valente
Págs.: 392
PVP: 17,70 €
Disponível a 14 de junho 

Sinopse
Jasmin é uma mulher soldado do exército sueco colocada no Kosovo que vive para o filho, Dante, cujo pai é um camarada de armas, um homem instável que tenta afogar os horrores da guerra em álcool e drogas. No Kosovo, Jasmin fica gravemente ferida e, durante a hospitalização, enquanto se encontra entre a vida e a morte, a sua alma parte para uma misteriosa e sobrelotada cidade portuária, um porto de almas, de onde os que morrem jamais regressarão. Mas Jasmin é forte e consegue escapar.
Dois anos após a sua primeira experiência na cidade dos mortos, um acidente rodoviário obriga Jasmin, desta feita acompanhada pelo filho, a regressar: todavia, só ela é que consegue escapar ao porto das almas. O caso de Dante, que está à espera de uma operação, é muito mais grave, e Jasmin não pode abandoná-lo à mercê da cidade misteriosa: a sua única opção é voltar, uma vez mais, e lutar por que ama, num jogo terrível de vida e morte no qual é provável que saia derrotada.

Primeiras páginas do livro aqui.

Lars Kepler é o pseudónimo de uma dupla de escritores de sucesso na Suécia: Alexander Ahndoril e Alexandra Coelho Ahndoril. O Hipnotista, primeiro volume da saga, alcançou um enorme sucesso internacional e foi adaptado ao cinema pela mão do realizador Lasse Hallström. Depois dos livros protagonizados pelo inspetor Joona Linna, chega-nos agora este thriller sobrenatural.
Mais informações em www.larskepler.com

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Nos passos de Santo António - Documentário de Gonçalo Cadilhe


No seu mais recente livro, Gonçalo Cadilhe revisita um percurso feito há oito séculos e descobre um dos maiores viajantes da História de Portugal: Santo António. Depois do relato em papel, eis o documentário.


"António, o santo português de Pádua, viajou durante dez anos numa época em que as estradas tinham desaparecido, o sistema cambial ainda não fora inventado, os idiomas não se traduziam em dicionários, os mapas não existiam.

Gonçalo Cadilhe refaz a grande viagem deste franciscano, que durou os últimos dez anos da sua vida, e dá-nos toda a atmosfera do início do século XIII: a Reconquista Cristã, o espírito das Cruzadas, a guerra civil entre o Papa e o Imperador e a amizade com São Francisco de Assis.

Uma das coisas extraordinárias que o autor descobriu sobre António é que o seu processo de canonização não refere de modo nenhum dotes sobrenaturais ou ações milagreiras. Pelo contrário, o homem torna-se santo pela sua ação apostólica e missionária. Ou, por outras palavras, a santidade de António deve-se sobretudo à sua vida de divulgador e viajante." 

Para ver amanhã, na RTP, às 22h40.

Quase a chegar às livrarias - O Diagrama de Zenn


Disponível a 26 de Junho

«Quanto mais toco, mais consigo ver e entender, e mais penso que posso ajudar. Mas é esse o meu erro. Não posso ajudar ninguém. Não se consegue “resolver” os problemas das pessoas como se resolvem os de matemática.»
Eva é uma supergeek da matemática e há uma razão para ela preferir os números e as calculadoras ao convívio normal entre jovens. Poucos o sabem, mas basta que Eva toque com as mãos em alguém — ou nas suas coisas — para ter visões que lhe mostram as inseguranças, receios e segredos dessa pessoa. Por isso, ela prefere manter as mãos bem guardadas e ficar na sombra. E tudo parece correr bem!
Quer dizer, tem 17 anos, nunca teve namorado e tem apenas uma amiga, mas não é uma completa aberração! Até que chega o dia em que o charmoso e solitário Zenn Bennett entra na sua vida! É amor ao primeiro toque! No entanto, quando ela mergulha no mundo de Zenn, descobre que afinal as coincidências que os unem são demasiado duras… e poderão separá-los para sempre.
Um romance fresco e inocente, em que os personagens Zenn e Eva nos deixam rendidos à ironia dos seus destinos.

Quase a chegar às livrarias - O Olhar da Mente


Disponível a 26 de Junho

Por vezes, a verdade está mesmo à nossa frente.
Só a justiça é cega.
Uma manhã, o conceituado professor Janek Mitter acorda completamente desorientado no seu apartamento. Com a cabeça a latejar, sem se lembrar de nada da noite anterior, vagueia pela casa até encontrar a mulher, Eva Ringmar, morta na banheira. Apesar de Mitter ter chamado logo a polícia, é considerado o principal suspeito do crime.
Quando o experiente inspetor Van Veeteren é chamado para investigar o caso, duvida imediatamente da simplicidade do mesmo, mas Mitter acaba por ser julgado pelo homicídio da sua companheira e é condenado a cumprir pena num hospital psiquiátrico.
Quando, pouco tempo depois, o professor aparece assassinado no hospício, Van Veeteren reabre o caso e avança com uma investigação às duas mortes. Partindo de uma carta enviada por Mitter pouco tempo antes da sua morte, o inspetor entra numa aterradora viagem a um passado terrivelmente sombrio.

Entre mortos e feridos não escapa ninguém de Peter Brooklyn - Novidade Guerra e Paz


ENTRE MORTOS E FERIDOS NÃO ESCAPA NINGUÉM
Peter Brooklyn
15x23
176 páginas
15,50 €
Ficção / Romance
Nas livrarias a 21 de Junho
Guerra e Paz Editores

Sinopse
Norte e Sul de Portugal. Dois homicídios. Os vícios do mundo do futebol e dos dirigentes desportivos, a corrupção política, o submundo da comunidade homossexual bear lisboeta, as práticas sadomasoquistas são os ingredientes principais deste romance policial empolgante e polémico.
O inspector Pereira investiga um duplo homicídio: o arquitecto Coentro, número dois da Câmara da Marginal, é assassinado na véspera dum julgamento em que devia testemunhar sobre negócios de corrupção; o venerado presidente do Futebol Clube do Norte, José Castro, é encontrado morto no parque dum luxuoso bordel portuense. Mera coincidência ou estarão os dois crimes relacionados? O mistério aumenta à medida que novos suspeitos vão surgindo. Deprimido pela chuva incessante e pela profunda crise que assola o País, o inspector Pereira tem de se apresentar no auge de todas as suas faculdades para resolver estes mediáticos homicídios. Pereira deverá proceder cautelosamente para encontrar os responsáveis pelos dois crimes.

Peter Brooklin. Casado com uma portuguesa, viveu cerca de 20 anos em Lisboa. Hoje, reside e trabalha em Nova Iorque. Entre Mortos e Feridos Não Escapa Ninguém é a primeira investigação do inspector Pereira a ser publicada em Portugal. O inspector, polícia culto, estudioso de Fernando Pessoa, é um apreciador de mulheres maduras e altas e da boa gastronomia portuguesa. Pereira não dispensa a colaboração de Godinho, veterano bon vivant e bem relacionado, e de Moreira, uma jovem polícia com forte temperamento.

domingo, 11 de junho de 2017

Quase a chegar às livrarias - Terra de Espíritos


Disponível a 7 de Julho 


Numa pequena cidade do Vermont, uma parcela de terra é posta à venda levantando uma onda de protestos. Segundo os índios Abenaki, naquele terreno situa-se um ancestral cemitério índio. Para os acalmar, o investidor que ali pretende fazer um centro comercial contrata Ross Wakeman, um investigador do paranormal. Ross tentou o suicídio por diversas vezes, na esperança de se ir juntar a Aimee, a noiva que morrera oito anos antes. Mas após diversas noites a investigar, tudo o que Ross encontra é Lia Beaumont, uma mulher misteriosa que, tal como Ross, pretende desafiar as fronteiras que separam a vida da morte.
Assim tem início uma extraordinária história de amor e de destino, marcada por um crime passional. Jodi Picoult centra-se numa parte obscura e pouco conhecida da história norte-americana, o projeto eugénico dos anos 30, para neste contexto explorar a maneira como as coisas voltam para nos assombrar - tanto literal como figurativamente.

sábado, 10 de junho de 2017

Bom sábado!


Quase a chegar às livrarias - Um Mundo de Pernas Para o Ar


Disponível a 7 de julho

Estamos em 2016 e no mundo de Tom Barren a tecnologia solucionou os grandes problemas da humanidade: não há guerra, nem pobreza, nem abacates pouco maduros. Infelizmente, Tom não é um homem feliz. Perdeu a rapariga dos seus sonhos. E o que é que uma pessoa faz quando está de coração partido e depara com uma máquina do tempo? Faz uma estupidez. Agora Tom dá por si numa realidade paralela aterradora (que nós reconhecemos logo como sendo o nosso 2016) e só pensa em corrigir o erro e voltar para casa. Mas é então que descobre uma versão encantadora da sua família, da sua carreira e de uma mulher que pode muito bem ser a mulher da sua vida. Tem agora de enfrentar uma escolha impossível. Regressar para a sua vida perfeita, mas pouco emocionante, ou permanecer na nossa realidade, um mundo caótico, mas onde terá ao seu lado a sua alma gémea.
À procura da resposta, Tom é levado numa viagem pelo tempo e pelo espaço, tentando perceber quem é de facto e qual será o seu futuro. Cheio de humor e emoção, um livro inteligente e caloroso que é uma poderosa história de vida, de perdas e de amor.

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Café Amargo - Novidade Clube do Autor



«Café amargo» acompanha a vida de uma mulher 
que não se curva perante o poder masculino. O romance nasce na Sicília, mas a autora transporta-nos até muito mais longe.
A protagonista é uma mulher de paixões, marcada também por vários sofrimentos que engole com altivez, como se fosse uma chávena de café amargo. A história de Maria e das suas escolhas pouco convencionais retrata uma época decisiva da Europa.

Contos e outros escritos de Anne Frank - Novidade Livros do Brasil




Título: Contos e outros escritos
Autor: Anne Frank
Tradutor: Arie Pos
N.o de Páginas: 200
PVP: 15,50 €
Coleção: Dois Mundos

A par do seu famoso diário, Anne Frank escreveu contos «totalmente inventados», fábulas, memórias e ensaios, muitos deles compilados pela própria num volume a que chamou «Contos e Acontecimentos do Anexo». A estes junta-se um outro conjunto de histórias soltas e ainda uma novela que deixaria inacabada. Neste livro, onde pela primeira vez em Portugal se apresenta a coletânea completa desta produção literária que confirma o génio extraordinário de Anne Frank, existe fantasia e rebeldia, risos e comoção, personagens enternecedoras e audazes – e em todas elas a voz vibrante de uma menina com um gigantesco amor à vida.

Anne Frank nasceu a 12 de junho de 1929 em Frankfurt, na Alemanha, no seio de uma família judaica. Em 1933, após a tomada de poder pelos nazis, os seus pais decidiram partir para Amesterdão, na Holanda, país que tinha fama de bem acolher as minorias religiosas. Em 1940, porém, os alemães invadem este território e iniciam uma forte perseguição aos judeus, reencaminhando-os para «campos de trabalho». Depois de dois anos de reclusão num anexo ao antigo escritório do pai, Anne Frank é detida em agosto de 1944. Viria a morrer de tifo no campo de concentração de Bergen-Belsen em março de 1945. O diário que escreveu durante este período tornou-se uma das obras de não ficção mais lidas em todo o mundo.

Agenda Marcador - Feira do Livro de Lisboa 9/ 10/ 11 de Junho

Estes são os destaques da Marcador para este fim de semana de Feira do Livro:

Sexta, 09 de Junho
18h00_Sara Rodi e Vânia Beliz, com o livro "Peludim"


Sábado, 10 de junho
15h00_Júlio Isidro, com o livro "O Programa Segue Dentro de Momentos"
15h00_Joel Neto, com o livro "A Vida No Campo"
15h00_Celina Lopes, lançamento o livro "Tudo Pela Minha Mãe" (Prç Amarela)

Domingo, 11 de junho
16h30_Sofia C. Fernandes, com o livro "Ás 9 no Meu Livro"
17h00_António Mateus, com o livro "Olhar o Mundo"
18h00_Pedro Chagas Freitas, com o livro "Envelhenescer"





Biblioteca Perfeita


Imagem retirada aqui.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

[A minha Opinião] Romeu e Julieta (Os Livros Estão Loucos)


Assim que recebi a informação desta colecção Os Livros Estão Loucos, apaixonei-me imediatamente. A Guerra e Paz apostou em grande e dou os meus parabéns pela coragem de publicarem esta colecção. Tenho a certeza que fará imenso sucesso, pela sua irreverência e originalidade.  

A Ana Almeida foi a responsável pela excelente adaptação deste clássico e fez um trabalho incrível. Lê-se com grande facilidade, sem as dificuldades linguísticas impostas normalmente por um clássico. Acredito que os jovens leitores se deixarão cativar pela escrita e pela paginação maluca, que transforma a leitura numa aventura fantástica e nada monótona. 

Além de Romeu e Julieta, e restantes personagens bem conhecidas deste clássico, surgem duas novas e simpáticas personagens, Vera e Beatriz, companheiras de leitura, que dão as suas opiniões, tiram dúvidas, deixam algumas curiosidades ao leitor e acrescentam bom humor à narrativa. 

Adorei fazer esta leitura. Toda ela é um estímulo visual incrível. Li sem nunca me sentir desmotivada, apesar de já conhecer a história. Mais uma vez tenho de referir a paginação do livro, que está uma loucura e parabenizar o Ilídio J.B. Vasco pelo trabalho feito. 

Já me conquistaram. Fico super fã desta colecção maluca. Leiam e ofereçam. São livros que são autênticas obras de arte. 

Boas leituras!

Maré Viva de Cilla e Rolf Börjlind - Novidade Topseller


Maré Viva | 400 pp. | 19,99€ | Saída a 12 de junho

Sinopse
Olivia Rönning é uma estudante da Academia de Polícia de Estocolmo. Ela tem de escolher um crime não resolvido para comprovar se, com os recursos tecnológicos atuais, seria possível desvendar o caso. E um terrível crime suscita o seu interesse: o homicídio de uma mulher grávida, em 1987, numa praia, em noite de maré viva.
Olivia retoma a investigação do crime e, em busca de pistas, procura Tom Stilton, o inspetor responsável pelo caso, descobrindo que este desapareceu de forma misteriosa.
Simultaneamente, surge a notícia de espancamentos a pessoas sem-abrigo nas ruas de Estocolmo, cujos requintes de crueldade chocam a opinião pública: os atos de extrema violência são filmados pelos agressores e divulgados na Internet.
Determinada a desvendar o crime, Olivia acaba por descobrir que Tom Stilton é, atualmente, um sem-abrigo. Tom está mais interessado em vingar os crimes perpetrados contra os seus pares do que em ajudar Olivia, mas juntos acabarão por unir esforços e desenterrar um passado com revelações surpreendentes.
Uma trama intrincada sobre delinquência social e crimes ao mais alto nível, que se desenvolve num crescendo de suspense até chegar a um final arrebatador.


Cilla e Rolf Börjlind são um casal de autores bestsellers suecos, cujas obras retratam uma sociedade repleta de conflitos sociais.
Figuram entre os argumentistas mais aclamados da Suécia, sendo autores de 26 guiões de policiais e thrillers para cinema e televisão.
Maré Viva recebeu arrebatados elogios por parte da crítica, tendo os seus direitos sido vendidos para trinta países. Só na Suécia vendeu mais de 300 mil exemplares. A obra foi também convertida numa série de televisão, cujos direitos já foram vendidos para vários países.
A Topseller orgulha-se de dar a conhecer aos leitores portugueses esta dupla maior da literatura escandinava com este Maré Viva e com Terceira Voz, o título que se lhe segue, que será publicado em novembro de 2017.


Autores que nos unem - Dias 10 e 11 de Junho FLL


O fim de semana será repleto de grandes autores no espaço do Grupo Porto Editora. Nos dias 10 e 11 (sábado e domingo), a partir das 15:30, os leitores podem contar com a presença de Alberto S. Santos, Bruno Vieira Amaral, Luis Sepúlveda, Richard Zimler e Sveva Casati Modignani. 

A estes, juntam-se, no sábado, Guilherme Valadão, Isabel Valadão, João Céu e Silva, Manuela Gonzaga, Miguel Morais, Pedro Andersson, Sérgio Godinho e Mário Augusto, que fará uma revisitação ao livro A Sebenta do Tempo, às 21:00. No domingo, vão, também, estar no espaço Autores que nos unem os autores Edson Azevedo, Helena Garrido, Júlia Nery, Karla Suárez, Luísa Ducla Soares e José Luís Peixoto, que revelará a capa do seu próximo livro. 

No sábado, dia 10, às 18:30, haverá ainda oportunidade para assistir ao lançamento do livro Não se deixe enganar, da COMCEPT – Comunidade Céptica Portuguesa. Este livro aborda diversos temas como as dietas milagrosas, a homeopatia, as pulseiras do equilíbrio, a adivinhação, as teorias da conspiração e os malefícios do glúten, abordando-os à luz da Ciência. 

Re-Viva o Imperador! de Romain Puértolas - Novidade Porto Editora


Título: Re-Viva o Imperador!
Autor: Romain Puértolas
Tradução: Tânia Ganho
Págs.: 312
PVP: 17,70 €

Sinopse
Mantido em perfeito estado de conservação pelas águas glaciais do mar do Norte, repescado por uma traineira e depois descongelado, Napoleão Bonaparte regressa à vida no momento dos atentados jihadistas de Paris, mesmo a tempo de salvar o mundo... Desde François Hollande até às bailarinas de cancã do Moulin Rouge, ninguém ficará indiferente!
A Europa do século XXI vive assolada pelo medo, que não conhece fronteiras e que se respira em Paris como um pouco por todo o lado. Será mais difícil ao Imperador habituar-se a este novo paradigma do que à recém-descoberta Coca-Cola Light, delicioso champanhe negro, que não só não lhe tolda o raciocínio como faz ainda maravilhas à sua célebre úlcera; mas será em direção a Raqqa, a capital do autoproclamado Estado Islâmico, que o seu Novo Grande Exército irá marchar.
Romain Puértolas reage aos tempos sombrios, que são os nossos, com uma generosa dose de humor e esperança, num livro que é uma aventura mas também um desafio: não ceder ao medo e não esquecer que a palavra e a gargalhada são as armas mais eficazes contra toda e qualquer violência.

Leia as primeiras páginas aqui.

Romain Puértolas, de origem franco-espanhola, nasceu em Montpellier, em 1975. Levado pelas voltas do destino a Espanha e Inglaterra, foi DJ, professor de línguas, tradutor-intérprete, comissário de bordo e mágico. De regresso a França, trabalhou durante quatro anos como inspetor da polícia numa brigada especializada no desmantelamento de redes de imigração ilegal. Viciado confesso na escrita compulsiva, Puértolas fez a sua estreia no universo literário com A incrível viagem do faquir que ficou fechado num armário IKEA, publicado pela Porto Editora em 2014. Ainda antes do seu lançamento em França, o romance já havia conquistado mais de quarenta editoras estrangeiras, convertendo-se num fenómeno editorial mundial conhecido como «faquirmania». A menina que engoliu uma nuvem do tamanho da Torre Eiffel, o seu segundo romance, foi publicado também pela Porto Editora, em 2015.
Depois de ter exercido mil e uma profissões, Romain Puértolas decidiu dedicar-se por inteiro à escrita. Mas não foi nunca imperador.

Imprensa
Romain Puértolas mantém-se na rota do humor. Deixa-se enredar em peripécias loucas e piruetas fantasistas antes de cair, mas sempre com os pés bem assentes no chão e um riso contagiante. Viva Puértolas! La Croix

Romain Puértolas decidiu tomar o seu leitor de surpresa e arrancar a todo o gás, projetando o pobre Napoleão numa civilização em pleno declínio. E tudo para a nossa agradável satisfação. Livres Hebdo

Romain Puértolas confirma o poder de uma imaginação desenfreada e, como os verdadeiramente audazes, não depõe nunca as suas armas. Le Figaro Littéraire

Re-Viva o Imperador! confirma a capacidade de Romain Puértolas tecer, entre si, um conjunto de peripécias delirantes e infantis. O resultado é, sobretudo, divertido. Muito divertido. Portanto, longa vida ao Imperador. L’Express

quarta-feira, 7 de junho de 2017

A Mala Misteriosa do Senhor Benjamin de Pe-Yu Chang - Novidade Nuvem de Letras



Edição/reimpressão: 2017
Páginas: 48
Editor: Nuvem de Letras
ISBN: 9789896652296
Faixa etária: dos 7 aos 9 anos
PVP: 13,90€

Sinopse
Era uma vez um homem excepcional chamado Walter Benjamin, um filósofo brilhante conhecido pelas suas ideias extraordinárias. No entanto, um dia, o seu país decide que os homens excepcionais com ideias extraordinárias são perigosos e devem ser presos. O senhor Benjamin tem de fugir. Consigo, leva apenas uma mala — uma grande, pesada e misteriosa mala.

Pe-Yu Chang (nascida em 1979) estudou língua, literatura e cultura alemã em Taipé (Taiwan) e ilustração em Munster (Alemanha). Gosta de ler e viajar. Numa das suas viagens ao Sul da Alemanha, em 2015, ouviu a histórias da mala desaparecida. Ficou tão fascinada, que decidiu que tinha de contar aquela história por escrito. Em fevereiro de 2016, terminou os seus estudos, orientados pelo professor Felix Scheinberger, criando A mala misteriosa do senhor Benjamin. Este é o seu primeiro livro para crianças.

A ler